o espaço das minhas coisas

Quarta, 17 de Julho Variedades por Hildo Oliveira

Governando com os inimigos

Acredite se quiser, mas uma coalizão que se vem costurando entre governo e antigos partidos políticos de oposição - esquerda e centrão - pode liquidar as esperanças de nomeação de muita gente que trabalhou pela vitória do capitão Jair Bolsonaro. 

Nos quadros do governo eleito pelo "PSL",  praticamente 40 por cento são ocupados por políticos que exerceram  cargos em governos do PT, entre ministros e demais ocupantes de  vários escalões, e se   instalaram nas repartições públicas federais. Isso é um fato. 

Conta-se a dedos pelos corredores do Palácio do Planalto que as nomeações para o terceiro e quarto escalões nos Estados poderão atrapalhar os comitês estaduais do PSL, em virtude da interferência de seus antigos adversários durante a campanha eleitoral. Além de petistas, ainda estão mantidos nos cargos pessoas ligadas ao MDB, PR, PSDB entre outros partidos que não moveram uma palha para a eleição de Bolsonaro. Afinal de contas, o capitão apenas contou diretamente com o esforço de voluntários e filiados pselistas que ajudaram a colocar a "direita" no poder, depois de três décadas ocupado pela esquerda. 

CARGOS SEM IDENTIDADE

Com Jair Bolsonaro, já há sete meses no poder, o governo federal ainda não definiu as novas nomeações e nada se sabe quanto aos nomes  da turma de "primeira hora" para os cargos,  mantidos até o momento  pela oposição.

Os acordos para garantir a aprovação da Reforma da Previdência, sem dúvida, aproximaram os parlamentares da esquerda e centrão. Esses, por sua vez, além de serem contemplados com emendas, tiveram a garantia de seus apadrinhados nos cargos. Resta saber se o presidente da república vai governar com inimigos do passado ou com os amigos que empunharam a bandeira pela sua vitória. 

Eis a questão. 

Terça, 16 de Julho Variedades por Glácia Marillac

Dica de Glácia Marillac

Terça, 16 de Julho Variedades por Kadu Severiano

Dica do Kadu

Natal ganha o mais novo espaço, o @seisepontogourmet, que chega ao bairro de Petrópolis. A opção mais elegante e deliciosa da cidade. Tudo assinado pela marca já conhecida de todos. O Seis e Ponto em breve divulgará mais informações. 

#KaduComK

Segunda, 15 de Julho Variedades por Eleika Bezerra

Recado de Eleika Bezerra

É AMANHÃ!!!
Com apresentações culturais de música, coral e teatro, a abertura do Julho Branco será amanhã, terça-feira (16), a partir das 9h, no Instituto Juvino Barreto. 
Participe!!!
Sua presença é muito importante para os idosos!!!

Segunda, 15 de Julho Notícias por Arivaldo Oliveira

LBV na trilha do bem

Serão 1.300 famílias contempladas com cestas de alimentos na ação solidária

A Legião da Boa Vontade (LBV), dá início à entrega das cestas de alimentos não perecíveis arrecadadas por meio de sua tradicional campanha Diga Sim!, iniciativa de caráter emergencial, que beneficia famílias em situação de pobreza que enfrentam principalmente nesse período do ano, as estiagens e as cheias, contribuindo para minimizar o sofrimento de crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos, residentes em comunidades rurais e de assentamentos.

No Rio Grande do Norte, a LBV, com a generosidade da sociedade civil, assiste 1.300 (hum mil e trezentas) famílias de comunidades quilombolas e de assentamentos dos municípios de: Felipe Guerra, Pedro Avelino, Pedra Preta, Macaíba e Taipu, com a campanha Diga Sim!. A meta da Instituição é entregar 12.500 cestas de alimentos, em dezoito estados brasileiros.

A Caravana da Boa Vontade, no dia 15 de julho, pega a estrada para às comunidades: Tabuleiro, Boqueirão, Brejo, Rosário, Pindoba I e II, Santana, São Lourenço em Felipe Guerra, para entrega das cestas de alimentos previsto para às 10h 00. 

Na terça-feira 16, os voluntários chegam às 10h 00, para beneficiar a comunidade Aroeira (Quilombolas) em Pedro Avelino, no período da tarde seguem até o município de Pedra Preta, para mais uma entrega de alimentos às 15h 00, nos povoados rurais: Assentamento São Pedro, Agrovila Canto Comprido, Arisco, Baixa dos Angicos, Caatinga de Areia, Salgadinho, Toco Preto e Serra do Lombo.

Os caravaneiros, retomam o roteiro da ação emergencial na quarta-feira 17, seguindo desta vez para Macaíba com entrega prevista para às 9h 00, em: Riacho do Sangue, Riacho de Benção, Eldorados dos Carajás, Olho D´Água, Tabatinga, Lagoa Seca, Independência Camponesa, Barro Branco, Assentamento Chico Mendes, Roseli e Canudos. A conclusão desta grande mobilização solidária chega no período da tarde às 15h 00, nos povoados: Logradouro, Matão e Queimadas, no município de Taipu.

Conheça o trabalho da LBV!

A Instituição, tem seu Centro Comunitário de Assistência Social, na cidade de Natal, localizado à Rua dos Caicos, 2148 – Dix-Sept Rosado, que assistem diariamente centenas de crianças, adolescentes, mulheres, idosos e adultos, oriundos de comunidades em situação de vulnerabilidade social e de pobreza.

Desenvolve serviços de proteção básica, através do Criança Futuro no Presente!, Cidadão Bebê (gestantes e bebês, Vivência Solidária (grupo de mulheres) e Vida Plena (idosos), na qual é oferecida dezenas de oficinas como música, arte e cultura, cidadania irrestrita, dança, ballet, artesanato e atividades esportivas.

Para colaborar com as iniciativas do trabalho da LBV! Basta acessar o site www.lbv.org, entrar em contato pelo tel.: 0800 055 50 99, ou ainda dirigir-se a uma das unidades da entidade (lbv.org/enderecos), levando a sua doação financeira ou alimentos não perecíveis.

Acesse o endereço LBVBrasil no Facebook, no Instagram e no YouTube, e saiba mais, sobre a entrega das doações.

Domingo, 14 de Julho Variedades por Hildo Oliveira

Reflexão de Hildo Oliveira

O CÔNCAVO E O CONVEXO

Enquanto Lula ainda está encarcerado, escutando um som muito longe do  "Lula Livre", dentro dos próximos 30 dias, o seu ministro predileto e caixa dois da Fazenda, Antônio Palocci, fica livre, leve e quase solto no regime aberto. As delações do italiano fizeram a diferença, mas falou muito pouco do que realmente sabe. Se jogar a merda no ventilador vai pegar mais gente. As investigações definirão os próximos capítulos da corrupção. 
O fato é que Palocci, como médico desempregado, se quiser, ainda poderá clinicar em domicílio próprio. Não deve haver impedimento pra isso. 
Um recado para as próximas vítimas das investigações: cadeia deve ser uma desgraça. 

Sábado, 13 de Julho Variedades por Nitay Chand

Banda Atmadas no Festival Camomila