o espaço das minhas coisas

Segunda, 29 de Junho Variedades por Alberto Maciel

Amanhecer , por Alberto Maciel

Vi as tristezas da vida

Nos olhos da solidão 

Por momentos de agonias 

Pleno de indagações 

De como e por que 

Eu só queria saber 

Lembro,mas não gosto não 

 

Mas, isto foi só um momento

Logo,fui chamado para realidade

Minha parceira na vida 

Com muita dignidade 

Disse,estou aqui, do seu lado 

O hoje, logo será passado 

Com a maior brevidade 

 

Daí,parti para luta

Com todas as indagações 

Ouvia o que não queria 

Aumentando a comprovação 

Do que teria que fazer 

Se quisesse sobreviver 

Não tinha alternativa não 

 

Sobrevivi,sigo na vida 

Dando graças a Deus 

Pois,escapei por um triz

Mas,digo a todos vocês 

Devo ao amor e a força de Nilza

Que me são leves como a brisa

Num amanhecer e a cada vez

 

Hoje feliz por demais

Aprecio o sentido da vida

Aquilo que me apraz 

Que me dá guarida 

Um poema da beleza

Do encantar da natureza 

E de um viver em paz 

 

Búzios RN, 29/06/2020,02:28h madrugada 

 

Alberto Maciel

COMPARTILHE