Sexta, 04 de Maio Meus escritos por Flávio Rezende

Amor aos filhos

Quando acordamos nossa mente logo dá início a seu processo de pensar, pensar, pensar. Poucos seres neste querido planeta azul, destinam minutos e horas dos seus afazeres à importante arte de desacelerar a mente.

Estudos científicos e de cunho esotérico comprovam que o processo de redução da atividade cerebral harmoniza mais o juízo e proporciona equilíbrio e serenidade ao existir, sendo a meditação um importante aliado nesta área, tenha ela a excelência de um mosteiro zen ou a repetição mântrica da MT (Meditação Transcendental).

Essa atividade cerebral matinal pode ter início de diversas maneiras, com alguns começando logo a pensar no trabalho, como vai estar o trânsito, os afazeres a dar conta, enquanto outros podem pensar na performance noturna do seu time preferido ou o novo capítulo daquele caso de corrupção tão cheio de detalhes.

Apesar de muitas possibilidades, quem tem filhos e os amam devotadamente, direcionam na maioria das vezes estes pensamentos iniciais para eles, sendo este escrevinhador de artigos e livros, membro deste time, posto que apaixonadíssimo pelas crias passo a tê-las como ampliadores de minha felicidade, e multiplicadores das sensações diversas que a vida terrena nos oferta em generosas oportunidades, por quadrantes variados de nossa casa maior, a Terra.

Esses bons pensamentos aos filhos amados endereçados, terminam alçando nossa alma à condição de aspirante a níveis mais elevados de grau evolutivo, motivado pelo amor entre um pai e as crias, e ancorado na percepção de que os seres que se amam podem ocupar o mesmo espaço e, no lugar de ocasionar desperdício no transbordar do excesso, promove sim é o ajuntamento das emoções vividas, jogando no éter universal o apurado emocional e assim, devolvendo com juros ao Criador, o investimento que foi feito tanto no pai, quanto nos filhos, que caminhando juntos, podem tranquilamente se fundir em amorosa unidade familiar e expandir de dentro para fora, à poderosa e necessária energia que tanto precisamos produzir. A energia que chamamos de: amor.

Filhos queridos, amados e idolatrados, amor imenso flui do meu ser para vocês, vibro para que possamos estar cada vez mais juntinhos na gostosa caminhada por este planeta azul, produzindo assim muito mais paz, luz, energia positiva e tudo que de melhor possamos ofertar.

Luzzzzzzzzzzz

COMPARTILHE