Quinta, 11 de Janeiro Que Situação por Flávio Rezende

Posts diversos

Obviamente sou contra assédio e maneiras deselegantes de abordagem.

Por ser bem casado e feliz na relação, não canto ninguém, mas olho naturalmente, afinal olhamos para poder andar e vemos pois possuímos olhos bem no alto da cachola.

Pois bem, trabalho na UFRN, onde circulam muitas mulheres jovens, muitas militantes destes movimentos diversos. Percebo que uma boa parte evita olhar um homem ao passar, muitas de cabeça baixa, como um mecanismo de defesa.

A radicalização e aumento diário de regras de convivência, caminhando para muitos não pode isso, não deve aquilo, encaminhará a humanidade para relações preferencialmente entre os próprios gêneros, e para a judicialização de olhares e negação de trepares.

Que situação rapaz...

 

Quais serão os potiguares que vão para Porto Alegre, ficar suando e pedindo clemência para o Santo do Guarujá?

Ele já anunciou que não vai. Prefere ficar fumando charuto, bebendo e dando corda aos seus Teletubbies.

Alguns vão até com recursos públicos. Inventam uma reunião dos direitos dos apenados e futuros encarcerados e voam, comem e se hospedam as nossas custas.

São poucos. A grande maioria fica onde está, torcendo para que o tribunal confirme sentença e comece a fazer justiça, encaminhando o maior traidor do Brasil, a sua primeira prisão.

Que situação...

COMPARTILHE