o espaço das minhas coisas

Segunda, 28 de Outubro Que Situação por Flávio Rezende

Que situação...

Esperando Macron propor a internacionalização da Califórnia. Como o mundo todo assiste filmes produzidos em Hollywood, na cabeça dele faz sentido tornar o local de interesse mundial.
Que situação, rapaz...

Tem uns togados com DNA diabólico que filosofam, filosofam e no fim fazem o jogo da bandidagem com roupagem da coisa certa e tinta de humanismo.
A realidade é pura advocacia de quem não presta e serviço prestado ao mal.
Como se prestam a tal papel?
Que situação, rapá...

Quando se posiciona contra prisão após segunda instância a esquerda joga no lixo seu discurso, provando ser teórico e universitário.
Defendendo uma justiça que só riquíssimos alcança, fica então onde vem se sentindo bem, ao lado dos poderosos e bilionários.
Basta um simples olhar nos escritórios de advocacia a serviço da esquerda: os mais caros da América do Sul.
Esse papo de Estado Democrático de Direito é verniz, flor na estampa, poesia, fosse Bolsonaro no lugar de Lula, estariam as luletes da vida todos do outro lado do babado.
Convicção então? NÃO, política partidária. Pura patifaria.
Que situação, rapá...

A legislação precisa endurecer com relação aos crimes virtuais, fake news e difamações em geral.
O poder das mídias sociais é infinitamente mais destrutivo que um soco, uma carteira roubada ou um celular suprimido.
Pela globalidade da rede, a punição deve ser igualmente de alto alcance.
Na questão eleitoral idem, candidatos de todos os partidos estão utilizando criminosamente a internet em todo o planeta. Se a legislação não pegar pesado nisso, nenhum processo eleitoral moderno terá o selo da normalidade a ser perseguida.
Que situação, rapá...

 

COMPARTILHE