o espaço das minhas coisas

Domingo, 29 de Novembro Variedades por Sai Baba

Reflexão de Sathya Sai Baba

Presenciamos no mundo todos os tipos de dor e sofrimento. Mas nenhum deles é permanente. Toda dor é seguida pelo prazer. A experiência do prazer é refinada pela experiência anterior da dor. Como o refinamento do ouro que derrete em um crisol, a dor sacraliza o prazer que a segue! Na vida diária, tendemos a tratar a derrota, a perda ou o pesar como calamidades. Mas, nada ocorre no mundo sem uma causa. 

A fome é a causa para o ato de se alimentar. A sede é a causa para o ato de beber. As dificuldades são a causa da angústia. Se o homem quer desfrutar a felicidade duradoura, ele deve descobrir a fonte de tal felicidade. Essa fonte é o Amor. Não há nada maior do que o Amor. Tudo tem um preço.

O preço a ser pago pela felicidade duradoura é o Amor Divino. Sem Amor, nenhum objeto poderá lhe dar felicidade verdadeira. Assim, a riqueza primordial para o homem é o Amor. Todos devem adquirir essa riqueza. Com essa riqueza qualquer um pode desfrutar a bem-aventurança duradoura! (Divino Discurso, 1º de janeiro de 1998)

COMPARTILHE