Domingo, 31 de Dezembro Meus escritos por Flávio Rezende

Sonhos aviltados

Aqui na internet, grupos de zapzap e em outros espaços, lemos propostas maravilhosas que mudam leis para nos beneficiar, proteger, que acabam com mordomias etc.
Ao ler, internamente concordamos e pensamos, isso, é isso mesmo. Infelizmente o tempo passa e nada acontece. Apesar de necessárias, claramente urgentes, não passam de propostas, sugestões, sonhos...
Nossos representantes não estão lá para por em prática esses nossos projetos, para realizar nossas sugestões? 
Se não o fazem, a quem representam?
Apartados de nós, legislam para si mesmos, governam para seus familiares e amigos, numa casta de privilégios sem fim.
E ainda vendem o peixe que os privilegiados somos nós, cidadãos, que apesar de tudo, sobrevivemos, eis nosso privilégio: continuar existindo, mesmo que acossados por bandidos armados com armas e ladrões com leis.
Queria tanto ver esses textos que circulam no WhatsApp virando realidade, infelizmente escolhemos seres que evitam isso, e aviltam nossos sonhos.
Que situação rapaz...

COMPARTILHE